Contraste

Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Cultura > Cine Bangüê é uma ótima opção de lazer nas férias

Notícias

Cine Bangüê é uma ótima opção de lazer nas férias

por publicado: 03/01/2018 19h05 última modificação: 03/01/2018 19h17
Divulgação A produção ‘Manifesto’, do diretor alemão Julian Rosefeldt tem a atriz Cate Blanchett como protagonista

A produção ‘Manifesto’, do diretor alemão Julian Rosefeldt tem a atriz Cate Blanchett como protagonista


Guilherme Cabral

Quem aprecia a sétima arte tem uma boa opção de lazer para aproveitar neste período de férias. Trata-se do Cine Bangüê, instalado nas dependências da Fundação Espaço Cultural (Funesc) da Paraíba, que se localiza na cidade de João Pessoa. Depois dos festejos de réveillon, que marcaram a chegada do ano novo, 2018, a sala exibidora já voltou a funcionar e, nesta quinta-feira (4), mantém dois filmes em cartaz para o público, ambos longas-metragens: um é de ficção, cujo título é 'Invisível', produção conjunta da Argentina com o Brasil realizada em 2017, dirigida por Pablo Giorgelli, com classificação Indicativa 16 anos e que começa às 18h30; o outro é o documentário alemão de 2015 denominado 'Manifesto', com direção de Julian Rosefeldt, recomendado para 12 anos de idade e que se inicia às 20h30. “Vale destacar que são atrações a preços populares, pois os ingressos custam R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia-entrada)”, ressaltou para o jornal A União Cristhine Lucena, diretora do cinema, onde também divide a função de programadora com Virgínia Duan.

“Em virtude das festas de final de ano, nós mantivemos a programação para este mês de janeiro de 2018, para que mais pessoas possam ter a oportunidade de assistir aos filmes. E, entre as produções em cartaz neste período de férias, destaque-se a animação intitulada 'Historietas Assombradas - O Filme', que tanto pode ser assistido pelas crianças quanto, também, por toda a família”, ressaltou Cristhine Lucena.

Um dos filmes em cartaz, nesta quinta-feira (4), é 'Invisível', cuja exibição começa às 18h30. Esse longa-metragem de ficção é protagonizado por Mora Arenillas, Mara Bestelli, Diego Cremonesi, Estrela Strauss, Andrés Schaffer, Michael Wahrmann e Fabiana Uría. O enredo conta a situação da jovem Ely, de 17 anos de idade, que cursa o ensino médio, trabalha num pet shop no Bairro da Boca, em Buenos Aires, capital da Argentina, e descobre que está grávida. Ao se ver gestante, o mundo interno da adolescente entra em colapso. Diante do quadro, ela tem que tomar uma decisão que mudará sua vida para sempre.

O segundo - e último - filme que será exibido na noite desta quinta (4) é o documentário alemão intitulado 'Manifesto'. Dirigido por Julian Rosefeldt, o filme é estrelado por Cate Blanchett, Ruby Bustamante e Ralf Tempel. A trama parte do seguinte questionamento: Os históricos manifestos de arte podem ser aplicados à sociedade contemporânea? É isso o que a personagem encarnada por Cate Blanchett tenta responder ao explorar os componentes performáticos e o significado político de declarações artísticas e inovadoras do século XX, que vão dos futuristas e dadaístas ao pop art, passando por Fluxus, Lars von Trier e Jim Jarmusch.

No final de semana

Neste sábado (6), o Cine Bangüê exibirá mais duas produções. O primeiro, com sessão iniciando às 16h e classificação Indicativa livre, se intitula 'Historietas Assombradas - O Filme', animação brasileira de 2017 dirigida por Victor-Hugo Borges. O protagonista da trama é Pepe, um menino de 12 anos de idade que mora com sua avó, uma bruxa-empresária. Após descobrir que é adotado e que seus pais estão vivos, o garoto decide ir procurá-los. No entanto, ao tomar tal atitude, acaba atraindo a atenção de Edmundo, um vilão biomecânico que precisa de Pepe para concretizar seu enorme plano maléfico: usar a energia das crianças de sua espécie para atingir a imortalidade. Edmundo rapta a avó de Pepe, forçando o menino e seus amigos a resgatá-la em uma aventura pelo universo fantástico - baseado no sucesso da tevê 'Historietas Assombradas (para crianças malcriadas)' - e, de quebra, solucionar o enigma que gira em torno de seus pais desaparecidos e do passado sinistro de sua espécie.

A outra atração é 'Um Filme de Cinema', cuja exibição começa às 18h e tem Classificação Indicativa de 14 anos. Trata-se de um documentário brasileiro dirigido pelo paraibano Walter Carvalho e produzido em 2015. O cenário inicial da trama é um cine abandonado e em ruínas no interior da Paraíba. Na verdade, o filme é sobre o cinema, que viaja nos depoimentos do saudoso romancista e dramaturgo - também paraibano - Ariano Suassuna (1927-2014) e de vários cineastas, a exemplo de Bela Tarr, Júlio Bressane, Ruy Guerra, Jia Zhang-ke e Karim Aïnouz. Eles discutem questões sobre a linguagem cinematográfica: como atingir a verdade? O cinema deveria ser realista ou privilegiar o falso? Qual é o papel da objetividade na hora de filmar? Como explorar o som? Qual é a diferença de usar planos longos em relação aos curtos?

E, no domingo (7), o Cine Bangüê exibirá, novamente, a partir das 16h, a animação 'Historietas Assombradas - O Filme' e, em seguida, às 18h, o longa-metragem de ficção 'A Bela da Tarde', um clássico dirigido por Luis Buñuel e protagonizado pela diva francesa Catherine Deneuve. Produção franco-italiana de 1967, trata-se de uma ficção em que Séverine (Catherine Deneuve) é uma jovem rica e bonita, porém infeliz. Ela ama seu marido (Jean Sorel), um médico, mas ambos não são tão íntimos quanto a esposa deseja. Diante da situação, ela procura um discreto bordel, comandado pela Madame Anais (Geniviève Page) para realizar suas fantasias eróticas e conseguir o prazer que seu marido não consegue lhe dar. Essa passa a ser sua rotina: à tarde, trabalha como prostituta, e, à noite, retoma à vida de casada, só que um cliente abusivo promete complicar a situação. A classificação Indicativa é de 14 anos de idade.

BR 101 - KM 03 - Distrito Industrial - João Pessoa-PB - CEP: 58.082-010
CNPJ 01.518.579/0001-41