Contraste

Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Cultura > Eu Fico em Casa PB segue com mais de 100 artistas inscritos

Notícias

Eu Fico em Casa PB segue com mais de 100 artistas inscritos


“O festival ficou gigantesco”, comenta, satisfeita, a idealizadora Dina Faria. Desde sábado com uma programação que varia entre teatro, literatura e música, o festival Eu Fico Em Casa PB segue nesta semana com atrações que, somando as apresentações, contam com 56 artistas. A programação vai das 18h às 21h, diariamente. “Estamos com 500 inscritos e, em dois dias o canal no YouTube teve mais de  3 mil visualizações. Estamos com bastante engajamento e com mais artistas chegando, já somos 100 pessoas envolvidas”, conta. Os primeiros sete dias de festival, que se encerram no próximo sábado, contam com uma programação de 56 artistas e bandas, mas 44 novos nomes estão inscritos para uma próxima edição. 

Como uma espécie de chapéu virtual, está sendo realizada uma vaquinha disponibilizada para os espectadores valorizarem a iniciativa e darem um retorno à vertente que está sendo afetada diretamente pelo coronavírus. “As pessoas precisam seguir com seus trabalhos para pagar as contas”, reforça Dina. No ar desde este sábado, as arrecadações atingiram R$ 2 mil reais (http://vaka.me/950650).

André Morais vai realizar, nesta noite, uma apresentação que mistura diversas linguagens artísticas, como o próprio já costuma fazer. “Vou misturar música, poesia, um pouco de dança e tocar algumas canções com violão, percussão e fazendo um encontro bem afetivo, como se tivesse recebendo amigos em casa. Vou citar um trecho do meu espetáculo baseado na obra de Mia Couto e trazer algumas surpresas”, explica o artista. 

André revela estar acompanhando a iniciativa nas transmissões e se emocionado com o movimento. “Os artistas têm esse poder de provocar a reflexão e de olhar o mundo de uma forma poética. A gente segue fortalecendo  e gerando esse momento de fazer a população ficar mais próxima”. Um dos textos que o ator vai trabalhar em sua performance, será o do poeta português Eugénio de Andrade. “Fala sobre a urgência do amor, que eu acho importante para este momento. Vou recitar também um pequeno texto de Paulo Freire para lembrar que vivemos em um momento político delicado”.

Também na programação de hoje, a banda-fôrra vai realizar uma apresentação mais intimista em formato de números individuais, seguindo firmemente às recomendações a Organização Mundial de Saúde  e do festival de quarentena. De acordo com Guga Limeira, o repertório está focado em abordar canções mais alegres. “Estamos vendo músicas nossas e de outros artistas que inspiram esperança e autocuidado, que são duas palavras-chave para quem, como eu, está de quarentena, tentando praticar o isolamento ao máximo. A mídia faz o seu papel de trazer as boas e as más notícias, mas como o isolamento e o contexto tendem a um certo pessimismo, a gente vai filtrar o repertório para falar sobre encontros, esperança e coisas boas”. A iniciativa, de acordo com o vocalista do grupo, resgata o foco da internet “de aproximar as pessoas, além de se confirmar no contexto do festival”.


Programação Festival #EuFicoEmCasa - 24/03 – Terça

18:00 - André Morais

18:30 - Marta Sanchìs

19:00 - Hazamat

19:30 - Rodrigo Kesselring (PaVio)

20:00 - Banda-Fôrra

20:30 - Gatunas

21:00 – Caburé


BR 101 - KM 03 - Distrito Industrial - João Pessoa-PB - CEP: 58.082-010
CNPJ 01.518.579/0001-41