Contraste

Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Cultura > Sayonara Brasil realiza exposição no hall do Aeroporto Castro Pinto

Notícias

Sayonara Brasil realiza exposição no hall do Aeroporto Castro Pinto

por publicado: 14/03/2016 19h20 última modificação: 15/03/2016 07h22
Exibir carrossel de imagens Evandro Pereira Exposição individual é integrada por 16 pinturas, todas na técnica acrílica sobre tela e com temas variados

Exposição individual é integrada por 16 pinturas, todas na técnica acrílica sobre tela e com temas variados


Guilherme Cabral

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher (8 de março), a artista plástica baiana Sayonara Brasil - radicada na Paraíba desde 1991 -, que completou três décadas de carreira no ano passado, está realizando a exposição intitulada "Sayonara Brasil, uma celebração a ânima", até 8 de abril, no hall do Aeroporto Internacional Presidente Castro Pinto, situado na Grande João Pessoa. A individual - que tem apoio da Infraero e do Fórum das Mulheres de Negócios - é integrada por 16 pinturas, todas na técnica acrílica sobre tela e com temas variados. A propósito, nesta quinta-feira, a partir das 14h, ela fará a apresentação oficial de duas edições - as de 2014 e 2015 - do livro denominado Artists Across Continents, publicado pela Artcom Expo International. “Escolhi dar esse título à mostra porque reflete um pouco da minha experiência, já que completei 30 anos de carreira em outubro de 2015, quando comemorei com uma exposição na Estação Cabo Branco, em João Pessoa. Na ocasião, expus 29 obras, das parte das quais estão na individual montada no hall do Aeroporto Castro Pinto”, justificou Sayonara Brasil para o jornal A União.

Aberta no último dia 8 de março, a exposição reúne pinturas com temas diversos. Nesse sentido, a artista retrata pássaros, borboletas, flores, beija-flores, além de imagens abstratas. “A mostra está bem eclética. É como se fosse um resumo da exposição anterior, com a qual comemorei meus 30 anos de carreira e que fez parte da programação do Festival 6 Continentes, sediado na cidade do Porto, em Portugal, e do qual sou representante do grupo em João Pessoa”, disse Sayonara.

Quanto as duas edições do livro Artists Across Continents que apresentará nesta quinta, durante sua exposição no Aeroporto Castro Pinto, Sayonara Brasil disse ser a intenção de que os artistas não apenas conheçam a obra, mas também se interessem em participar da publicação, que é produzida pela Artcom Expo International, organização presidida pelo norueguês Hans Salbu. A edição 2014 é integrada por 158 artistas, enquanto a de 2015 por 175, inclusive a própria Sayonara, contendo dados biográficos e a produção de cada um.

A propósito, Sayonara Brasil ainda vê com reservas a situação da mulher no Brasil, seja ela artista ou de qualquer outra profissão. “Existe muita máscara em relação ao trabalho da mulher. Ela ainda tem a carga de ser mãe, manter as obrigações familiares e não se desvincula de nada do que ela é. O que existe é uma falsa liberdade e preconceito não tanto na área profissional, mas, sim, enquanto mulher. Mas a mulher é extremamente forte e suporta adversidades e merece ser respeitada e valorizada”, comentou ela.

Baiana radicada na Paraíba, Sayonara Brasil completou três décadas de carreira no ano passadoNatural da cidade baiana de Jequié e com uma obra que se caracteriza pelo caráter experimental, Sayonara antecipou já estar iniciando mais uma fase na sua carreira: a de confeccionar parangolés. O primeiro vem sendo produzido, cujo título é A rota do cordel em João Pessoa. “Meu objetivo, com esse trabalho, é preservar a memória e valorizar esse tipo de manifestação artística entre os estudantes”, disse ela. “Não sou cordelista nem poeta, mas amo as pessoas que produzem cultura e ciência”, prosseguiu a artista plástica, que decidiu por esse tema levada pela própria situação da vida, aliada com os aspectos crítico e social.

Av. Chesf - Distrito Industrial, 451. João Pessoa - PB. CEP 58082-010
CNPJ 09.366.790/0001-06