Contraste

Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Diversidade > A União se integra ao 'Dia da Faxina' com caça ao mosquito

Notícias

A União se integra ao 'Dia da Faxina' com caça ao mosquito

por publicado: 02/03/2016 15h44 última modificação: 02/03/2016 15h44
Exibir carrossel de imagens Edson Matos Equipe da Emlur fez a retirada de entulhos nas partes interna e externa da empresa

Equipe da Emlur fez a retirada de entulhos nas partes interna e externa da empresa


Cardoso Filho

A Superintendência de Imprensa e Editora A União está integrada ao Dia da Faxina instituído pelo Governo do Estado nos órgãos estaduais no combate ao mosquito Aedes aegypti, que transmite os vírus da dengue, zika e chikungunya. Nesta quarta-feira (2), o coordenador da Vigilância Ambiental da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Daniel Silva de Oliveira, e o agente de endemias Antônio Medeiros realizaram vistoria em todos os setores do órgão e também na parte externa do prédio. A adesão ao Dia da Faxina foi uma decisão da superintendência.

“Vocês tratam bem esse ambiente”, parabenizou Daniel Oliveira. Segundo ele, a empresa está dentro da previsão dos locais onde é feita a prevenção.

A vistoria e a palestra dos representantes da SES foram acompanhadas pelos diretores do órgão, Murillo Padilha (Administrativo), Walter Galvão (Técnico) e Gilson Renato (Operações). Além do trabalho dos agentes da Vigilância Ambiental, também foi realizada através de uma equipe da Emlur, a retirada de entulhos nas partes interna e externa da empresa. “Todas as quartas-feiras vamos realizar uma limpeza mais abrangente. O factual já é feito diariamente”, disse Murillo Padilha.

O que chamou a atenção de Daniel e Antônio foi a participação dos servidores de A União, que se preocuparam em tirar dúvidas sobre o mosquito, como ele se prolifera, como deve ser a prevenção e como denunciar em caso de detectarem suspeita de focos do criadouro. “Tenho a certeza que vocês serão agentes multiplicadores”, pontuou o coordenador da Vigilância Ambiental..

Daniel alertou os servidores sobre os cuidados a partir desse mês por causa das famosas chuvas de março, quando pode aumentar a infestação do mosquito. “Após a chuva, se preocupem em destruir os locais de acúmulo de água”, lembrou.

Diretor Administrativo, Murillo Padilha (E) acompanha visita dos representantes da SESO coordenador da Vigilância Ambiental disse que vários órgãos do Estado e também federais estão aderindo ao Dia da Faxina, e para que haja uma maior integração, todas as quintas-feiras, na sede da SES é realizada a webconferência diretamente com o Ministério da Saúde. Ao final da palestra foi designado o servidor Josélio Costa da Silva para participar da webconferência.

Perigo nas residências

Daniel explicou que é importante que as pessoas que participaram da palestra sejam agentes multiplicadores e fez uma importante revelação. Ele disse que 80% a 90% dos focos encontrados durante as visitas estão nas residências. “De cada 100 casas visitadas, pelo menos 80 possuem um foco do mosquito Aedes aegypti”, denunciou.

Para dar dinamismo no combate ao mosquito transmissor da dengue, chikungunya e o vírus da zika, o governo do Estado apoia os municípios disponibilizando kits para os agentes de endemias. O kit é composto de bolsa, duas camisas, prancheta, lanterna, prumo, trena, repelente, protetor solar, lápis grafite, caneta esferográfica, larvicida e dosador.

Ao fim da palestra, Murillo Padilha falou da importância da presença dos dois servidores da SES que tiraram dúvidas dos servidores de A União. “É importante essa dinâmica de prevenção para evitar a proliferação de focos do mosquito. Vamos dedicar, como já está acontecendo em outros órgãos um dia da semana para fazer limpeza geral. Aqui também vai acontecer nas quartas-feiras”, garantiu.

Av. Chesf - Distrito Industrial, 451. João Pessoa - PB. CEP 58082-010
CNPJ 09.366.790/0001-06