Contraste

Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Diversidade > Governo realiza ação de enfrentamento ao trabalho infantil em shoppings

Notícias

Governo realiza ação de enfrentamento ao trabalho infantil em shoppings

por publicado: 03/07/2016 10h41 última modificação: 03/07/2016 10h41
Claudia Belmont/Secom-PB No Shopping Mangabeira, a equipe da SEDH alertou sobre as piores formas do trabalho infantil

No Shopping Mangabeira, a equipe da SEDH alertou sobre as piores formas do trabalho infantil


O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano (SEDH), realizou na tarde dessa sexta-feira (1), mobilização de enfrentamento ao Trabalho Infantil no shopping Mangabeira. A ação faz parte das atividades realizadas em alusão ao12 de junho, Dia  Mundial de Enfrentamento ao Trabalho Infantil, com o objetivo de sensibilizar a população de todos os níveis sociais.

De acordo com dados oficiais da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNad), no Brasil são 3,3 milhões de crianças e adolescentes de 5 a 17 anos ocupadas. Na Paraíba, segundo a pesquisa, são 40 mil crianças nas faixas de 5 a 14 anos que estão em situação de trabalho infantil.

No shopping, a equipe da SEDH alertou sobre as piores formas do trabalho infantil, como a exploração sexual, serviços domésticos, trabalho em lixões, entre outros.  

Na ocasião, foi divulgado o Disque Estadual 123 que atende denúncias de qualquer tipo de trabalho infantil, de forma sigilosa. O Disque também atende a todo tipo de direito violado em todo Estado da Paraíba.

Durante este mês de julho, período de férias que aumenta a concentração de pessoas nos shoppings, a equipe segue visitando estes estabelecimentos para conscientizar o maior número de pessoas.   

Enfrentamento ao Trabalho Infantil

Foi iniciado em abril o Projeto Interventivo: Abuso e Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes #NÃOtátranquilo#NÃOtáfavorável, uma proposta de prevenção, orientação e trabalho multidisciplinar sobre a exploração sexual e o abuso, que configuram uma das piores formas do trabalho infantil.

O Projeto foi multiplicado entre os profissionais dos Centros de Referências Especializados da Assistência Social (Creas), com os Conselhos Tutelares e escolas públicas e privadas para conscientizar a população sobre a problemática.

Av. Chesf - Distrito Industrial, 451. João Pessoa - PB. CEP 58082-010
CNPJ 09.366.790/0001-06