Contraste

Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Esportes > Botafogo-PB elogia mudanças na Copa Nordeste de 2019

Notícias

Botafogo-PB elogia mudanças na Copa Nordeste de 2019

por publicado: 17/05/2018 00h05 última modificação: 17/05/2018 09h42
Ascom/CBF Com as mudanças, a Copa do Nordeste 2019 terá grandes clássicos estaduais, já na primeira fase da competição

Com as mudanças, a Copa do Nordeste 2019 terá grandes clássicos estaduais, já na primeira fase da competição


Ivo Marques

O vice-presidente do Botafogo da Paraíba, Guilherme Carvalho (Novinho), ficou satisfeito com as mudanças na Copa do Nordeste de 2019, definidas na última reunião da Liga Nordeste, realizada na última terça-feira (15), em Recife. Segundo ele, a competição ficará mais atraente e rentável, com a realização de grandes clássicos e o aumento no número de jogos.

“O contrato com a Esporte Interativo termina em 2020, e se faz necessário algumas mudanças para tornar a competição mais atraente para os patrocinadores. A realização de clássicos como Ceará x Fortaleza, Bahia x Vitória, Santa Cruz x Náutico, etc, vai dar um charme todo especial à competição, e atrair grandes públicos. Agora, é esperar para ver se teremos as 14 datas disponíveis, que é o ideal nesta nova fórmula de disputa. Caso não, vamos nos adaptar e realizar em 12 datas, como está sendo a atual edição da competição”, disse Novinho.

Conforme A União adiantou no início do mês passado, a Copa Nordeste de 2019 terá dois grupos de 8 clubes, com uma chave enfrentando a outra. A fórmula de disputa, que ainda será levada ao departamento técnico da CBF, prevê jogos só de ida, e se classificam para a próxima fase, os 4 primeiros de cada grupo. A partir daí, a competição segue em sistema de mata-mata, com jogos de ida e volta. Os clubes de um mesmo Estado serão colocados em grupos diferentes, para que já haja os grandes clássicos na primeira fase.

Com a nova fórmula sugerida pelos clubes, a competição fica mais longa, com 14 jogos, contra os 12 da fórmula atual. Assim, dará choque com o calendário da CBF, previsto para o próximo ano. O presidente Alexi Portela vai tentar negociar com a CBF esta possibilidade de aumento. Se não for possível, as quartas de final só terão jogos de ida, com o clube de melhor campanha na primeira fase, tendo o mando de campo.

Os clubes que vão participar da Copa do Nordeste 2019 são os seguintes: ABC-RN, Altos-PI, Bahia-BA, Botafogo-PB, Ceará-CE, Confiança-SE, CRB-AL, CSA-AL, Fortaleza-CE, Moto Club-MA, Náutico-PE, Salgueiro-PE, Sampaio Corrêa-MA, Santa Cruz-PE, Sergipe-SE e Vitória-BA.

Existe a possibilidade também de uma nova mudança a partir de 2020. Alguns clubes defendem a ideia de uma redução do número de equipes para apenas 12. Desta forma, a competição seria realizada em 12 datas. Os quatro rebaixados disputariam, no mesmo ano, um mata-mata com outras equipes classificadas pelos estaduais. Esses confrontos seriam playoffs para definir os quatro clubes que jogariam o torneio no ano subsequente. Por enquanto, não existe nada de concreto sobre a competição em 2020, apenas discussões paralelas.

Segundo Guilherme Carvalho, este assunto só será discutido na reunião do próximo mês em Salvador, que só terá a participação dos clubes fundadores da Liga Nordeste, dentre eles, o Botafogo. “Nesta reunião, os clubes fundadores vão definir como será o sistema de acesso e de rebaixamento da Copa Nordeste. Além disso, será discutido aspectos relacionados com as eleições da Liga, que serão realizadas no dia na grande final deste ano”, afirmou.

Além das mudanças na forma de disputa já em 2019, ficou definido também, na reunião realizada em Recife, que os jogadores que disputarem a pré-Copa Nordeste poderão defender outra equipe na fase principal da competição. A proposta foi do Botafogo de João Pessoa. “Nós fizemos esta proposta, e logo foi aceita pelos clubes. Depois, o Vitória propôs que a medida se estendesse aos atletas com até 3 jogos, mesmo na primeira fase da competição. A sugestão foi aceita por todos, por unanimidade.

Premiação

Com o aumento do número de partidas de cada clube, em 2019, mudará também o sistema de premiação da competição. Haverá um aumento total de 17,8% na cotas, que passarão de R$ 22,4 milhões, atualmente, para R$ 26,4 milhões, em valores líquidos (já descontados despesas com passagens e hospedagem).

A distribuição definida na reunião realizada em Recife obedecerá um critério baseado no Ranking Nacional de clubes. Na fase de grupos, a premiação de Vitória, Bahia, Santa Cruz e Ceará será de R$ 1,9 milhão. ABC, Náutico, CRB e Sampaio Corrêa receberão R$ 1,42 milhão. Botafogo, Fortaleza, Salgueiro e Confiança terão direito a R$ 1,22 milhão. E os clubes que se classificaram na seletiva para a competição receberão apenas R$ 510 mil. São eles o CSA, Moto Club, Altos e Sergipe.

Av. Chesf - Distrito Industrial, 451. João Pessoa - PB. CEP 58082-010
CNPJ 09.366.790/0001-06