Contraste

Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Esportes > TJD-PB conclui hoje julgamento de ação do Treze contra o Campinense

Notícias

TJD-PB conclui hoje julgamento de ação do Treze contra o Campinense

por publicado: 13/05/2016 00h05 última modificação: 13/05/2016 10h39
Marcos Lima Sessão é continuação da ocorrida na quarta-feira e Galo já perde por 5 a 0

Sessão é continuação da ocorrida na quarta-feira e Galo já perde por 5 a 0


Ivo Marques

Os membros do Pleno do Tribunal de Justiça Desportiva da Paraíba(TJD-PB) voltam a se reunir, em caráter extraordinário, hoje, às 18h30, na sede da Corte, para concluir o julgamento de uma ação do Treze contra o Campinense, iniciado na última quarta-feira. Na oportunidade, o julgamento acabou sendo suspenso, após a auditora Graça Almeida pedir vistas no processo. Mesmo assim, cinco auditores já manifestaram seus votos, todos contrários ao pedido do Treze de afastamento do Campinense do Campeonato Paraibano, por irregularidades fiscais.

A atitude da auditora Graça revoltou alguns membros do TJDF, inclusive o presidente Lionaldo Santos Silva, que se mostrou indignado com a decisão dela, diante de uma matéria tão importante e urgente para o futebol estadual, já que o campeonato está paralisado por causa da ação do Treze.

“O pedido de vistas do processo é perfeitamente legal, é um direito do auditor. Mas, muito me admira, o fato de que em todo julgamento, esta auditora pede vistas do processo, como se não tivesse se inteirado totalmente do assunto a ser votado. Isto está virando uma rotina, e atrasando os trabalhos da casa”, disse o presidente, bastante contrariado com a posição da auditora.

O presidente e a auditora chegaram a discutir durante a sessão da última quarta-feira, e em certo momento, Graça ameaçou a Corte. “Não me faça lavar a roupa suja aqui em público”, disse ela.

No final da sessão, a auditora Graça surpreendeu ainda mais os presentes, ao afirmar que não tem condições de comparecer a sessão de hoje, do Pleno, porque vai viajar. Sem o voto dela, restam apenas agora mais três auditores votarem: André Cavalcante, Ricardo Barros e Jaime Carneiro. Em outras palavras, se os auditores, que já votaram na última quarta-feira, mantiverem suas decisões, o julgamento de hoje vai apenas confirmar a derrota do Treze.

Av. Chesf - Distrito Industrial, 451. João Pessoa - PB. CEP 58082-010
CNPJ 09.366.790/0001-06