Contraste

Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Políticas > Governo amplia proteção e direitos em benefício das mulheres paraibanas

Notícias

Governo amplia proteção e direitos em benefício das mulheres paraibanas

por publicado: 08/03/2016 08h18 última modificação: 08/03/2016 08h18
Exibir carrossel de imagens José Marques/Secom-PB Programa Empreender Paraíba vai entregar R$ 273,5 mil a mulheres trans paraibanas que estão em situação de vulnerabilidade

Programa Empreender Paraíba vai entregar R$ 273,5 mil a mulheres trans paraibanas que estão em situação de vulnerabilidade


Cardoso Filho

Mulheres paraibanas, Diretos garantidos, vidas em transformação. Com este slogan o governador Ricardo Coutinho lançou, no Teatro Paulo Pontes do Espaço Cultural, em João Pessoa, a campanha “Paraíba: Mulher Forte e de Valor”. Na oportunidade anunciou várias ações do Governo do Estado em comemoração ao Dia Internacional da Mulher – 8 de Março, entre elas a instalação de mais uma Delegacia da Mulher, na cidade de Picuí para atender a região do Curimataú paraibano.

A solenidade foi prestigiada por uma plateia lotada de mulheres, várias autoridades, na maioria formada pelo sexo feminino, vice-governadora Lígia Feliciano, juíza Rita de Cássia, promotora de Justiça Rosane Araújo, secretárias Cida Ramos (Desenvolvimento Humano) e Gilberta Soares (Mulher e Diversidade Humana), deputada estadual Estela Bezerra (representando as mulheres da Assembleia Legislativa) e Damiana Dantas, representando as mulheres empreendedoras. 

A senhora Maria Martins da Silva, que em nome das milhares beneficiadas pelo Cartão Alimentação quando foi receber disse: “meu Deus que alegria”, para em seguida abraçar o governador e, de improviso emocionou o público presente ao elogiar e agradecer ao governador.

Também houve a entrega de cheques da Linha do Empreender Mulher para mulheres trans (pessoas que nasceram com sexo biológico masculino, mas que possuem identidade de gênero feminina). Através do Programa Empreender Paraíba voltado a empreendedoras vítimas de violência ou em situação de vulnerabilidade foi entregue um cheque simbólico no valor de R$ 273,5 mil recebido por Fernanda Benvenutty. Para ela essa é uma política de inclusão do governo que vai evitar a prostituição e cada mulher terá o direito de criar o seu empreendimento. “É muito importante esse benefício, pois minha parte vou empregar no atelier do carnaval”.

Outro momento esperado durante a solenidade foi a posse dos membros do Fórum Estadual de Enfrentamento da Violência Contra as Mulheres do Campo. O termo foi assinado pelo governador e Irene Marinheiro, do Centro da Mulher Oito de Março. O fórum tem por objetivo formular e debater políticas públicas de enfrentamento à violência contra as mulheres do campo e a atuação das unidades móveis para atendimento às mulheres em situação de violência no campo e na floresta. Houve ainda e adesão da Rede Estadual de Educação ao programa “O Valente não é violento”, da ONU Mulheres.

A apresentação de 40 musicistas da Orquestra Prima Mulheres, sob a regência do maestro José Victor emocionou a plateia e autoridades ao tocar as músicas Carinhoso e Mulher Rendeira.

Maria Martins Silva (ao centro) emocionou o público presente no eventoAs secretárias Cida Ramos e Gilberta Soares e a deputada Estela Bezerra falaram da importância dos benefícios de enfrentamento à violência contra as mulheres anunciados e, principalmente dos ganhos desde quando Ricardo Coutinho era prefeito de João Pessoa. Ambas citaram as lutas das mulheres para conquistar importantes posições nos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário.

Ricardo fez referências aos discursos de Estela e das secretárias Gilberta e Cida Ramos parabenizando todas as mulheres, em especial as que fazem parte do Governo do Estado e muitas delas o acompanham desde os movimentos sociais. “Cumprimento todas vocês. Temos que celebrar tudo que já foi feito nesta gestão em relação à luta das mulheres. Conseguimos dar passos significativos nos direitos da mulher. Temos que proteger a cidadania feminina, dar dignidade e acabar com a violência contra as mulheres. Nossas políticas públicas integram várias secretarias, trazendo melhorias na qualidade de vida das paraibanas. Preparamos uma Programação muito boa e variada para comemorar o Dia da Mulher”, disse.

O governador ainda anunciou que, dentro das comemorações do Mês da Mulher, será lançado o projeto Alô Mãe. “Ainda este mês vamos lançar o Alô Mãe, que vai monitorar as gestantes de todo o Estado, através de um call center, comandado por profissionais da Saúde. Dessa forma, vamos diminuir a mortalidade materna”, concluiu.

Com a instalação da Delegacia da Mulher na cidade de Picuí sobe para 12 o número dos órgãos no Estado. Sendo duas em João Pessoa (uma atende a zona Norte e outra a zona Sul), além de Campina Grande, Cabedelo, Bayeux, Santa Rita, Sousa, Cajazeiras, Patos, Guarabira e Monteiro.

Av. Chesf - Distrito Industrial, 451. João Pessoa - PB. CEP 58082-010
CNPJ 09.366.790/0001-06