Contraste

Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Políticas > Votação do impeachment de Dilma domina os debates na Assembleia

Notícias

Votação do impeachment de Dilma domina os debates na Assembleia

por publicado: 20/04/2016 00h05 última modificação: 19/04/2016 20h38
Nyll Pereira/ALPB Impeachment da presidente Dilma Rousseff foi tema de discussão na ALPB

Impeachment da presidente Dilma Rousseff foi tema de discussão na ALPB


José Alves

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) realizou na manhã de ontem um debate entre deputados para comentar a votação do relatório referente ao processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff.

O presidente da Assembleia, Adriano Galdino, comentou o voto da bancada paraibana no processo de impeachment da presidente Dilma. O parlamentar lembrou que a Paraíba possui 12 deputados e, em sua opinião, apenas dois teriam condições políticas para votar a favor do impeachment. “Os outros 10 deputados da Paraíba, se usassem o bom senso, se fossem corretos em suas condições políticas, teriam a obrigação de votar contra o impeachment. Na minha ótica, os dois que teriam condições de votar a favor do impeachment seria Efraim Filho e Pedro Cunha Lima”, declarou o presidente.

O deputado Anísio Maia (PT) disse ontem que o plenário que votou favorável ao impeachment da presidente Dilma Rousseff continha a maior concentração de corruptos já vista no mundo. “Eu nunca vi tanto corrupto junto falando contra a corrupção”. A deputada Estela Bezerra disse que ficou claro que eles estavam ali votando por suas famílias e não pelo povo brasileiro. “O que foi revelado naquela votação foi a pequenez do Parlamento que abusou do nome de Deus em contextos extremamente adversos, foi com um sentimento de tristeza que vi tudo aquilo”, ressaltou Estela.

Anísio Maia disse ainda que o maior objetivo daquela trama era salvar a pele de mais de cem corruptos. Um exemplo claro foi o da deputada de Roraima que estava ali em nome de seu marido e ele foi preso no dia seguinte pela Polícia Federal por atos de corrupção. “A maioria dos que estavam ali votando pelo impeachment não tinha nenhuma condição de falar sobre corrupção. Ali estava formado um circo e muitos deixaram claro que estavam ali para se salvar”.
O deputado disse ainda que o papel da bancada paraibana foi uma vergonha. “Uma coisa que nos deixou enojados. Um político que três dias antes elogiava a presidenta Dilma e três dias antes dizia que seu governo era nota dez, mudou todo o discurso domingo passado.

Veneziano

Na crítica aos parlamentares paraibanos que votaram a favor do impeachment, Anísio Maia começou mostrando a ficha do deputado federal Veneziano Vital do Rêgo, cujo voto, segundo ele, foi uma vergonha. “Veneziano votou para salvar o irmão dele que está com a corda no pescoço na Polícia Federal. Pra mim aquela foi a CPI da chantagem e Veneziano votou pelo impeachment para salvar o irmão”, disse o deputado Anísio complementando que foi esse tipo de gente que votou pelo impeachment de Dilma.

Luta continua

A deputada Estela Bezerra afirmou que a luta continua, porque quem defende a justiça, quem acredita na democracia e quem defende o Estado democrático de direito é o movimento que está nas ruas. “O movimento reagiu muito lentamente mas pegou gosto e vamos continuar nas ruas para defender tudo que é justo e o que certo. Lá dentro daquele parlamento mais de 60% dos que votaram contra Dilma têm indícios de corrupção e têm contas na Suíça, deles e de suas esposas a exemplo do presidente da Câmara, Eduardo Cunha”.

Sobre a Operação Lava Jato, a deputada socialista afirmou que ela desapareceu inclusive do debate nacional e que isso está dentro do negociado, pois Lava Jato tem na lista todos aqueles que são paladinos da justiça, inclusive parlamentares paraibanos que saem às ruas contra a corrupção. “Essa Lava Jato foi abafada. Agora só se fala no ‘Brasil Maravilha’, que vai reagir. Por outro lado, a presidente Dilma, a mais honesta do período da nossa abertura democrática sofre um processo de impeachment de forma desonesta”, concluiu a deputada Estela Bezerra.

Av. Chesf - Distrito Industrial, 451. João Pessoa - PB. CEP 58082-010
CNPJ 09.366.790/0001-06