Contraste

Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Paraíba > Pessoas acima dos 40 anos começam a receber 4ª dose contra a Covid-19

Notícias

Pessoas acima dos 40 anos começam a receber 4ª dose contra a Covid-19

por publicado: 21/06/2022 08h23 última modificação: 22/06/2022 09h05
Foto: Marcus Antonius

Foto: Marcus Antonius

por Ana Flávia Nóbrega*

O Ministério da Saúde autorizou, ontem, a vacinação com a segunda dose de reforço para a população acima de 40 anos. Seguindo a orientação da pasta, os estados devem iniciar a vacinação no público de forma imediata. Na Paraíba, segundo informações do secretário executivo de Estado da Saúde, Jhony Bezerra, os municípios podem iniciar a imunização do grupo.

A imunização deverá ser feita com as doses que estão em estoque, antes do recebimento de um lote específico para o público através do Plano Nacional de Imunização (PNI). “Os municípios já estão autorizados a iniciarem imediatamente com as doses já disponíveis”, explicou Jhony Bezerra.

A gerente executiva de Vigilância em Saúde, Talita Tavares, garantiu que a Paraíba tem doses para atender todos os públicos contemplados até agora pelo PNI. “A Paraíba tem doses para que todos completem os esquemas vacinais indicados para cada faixa etária. Os municípios estão realizando os pedidos de vacinas quinzenalmente levando em consideração as doses em estoque e o público alvo de cada localidade. A partir da próxima semana já devem considerar os novos públicos”, explicou. 

A decisão de ampliação da Secretaria de Estado da Saúde (SES) foi baseada na Nota Técnica 176/2022 emitida pelo Ministério da Saúde.

De acordo com informações da Secretaria Municipal de Saúde de Campina Grande, a imunização com a segunda dose de reforço para a população acima de 40 anos começa nas primeiras horas de hoje. Em João Pessoa, com a suspensão da vacinação, hoje, a efetivação da imunização para o grupo será iniciada amanhã.

A recomendação do Ministério da Saúde é para que a imunização seja feita com vacinas da Pfizer, AstraZeneca ou Janssen, respeitando o intervalo de quatro meses após a aplicação da primeira dose de reforço. Até ontem, a pasta havia liberado a vacinação com segunda dose para o público a partir de 50 anos, imunossuprimidos e trabalhadores da saúde.

A secretária ressaltou que esse incremento na vacinação chegou em momento oportuno. “Já temos casos confirmados das duas subvariantes da Ômicron, a B.4 e B.5 em estados vizinhos como Pernambuco e Rio Grande do Norte e, embora não tenhamos nenhum sequenciamento confirmando casos na Paraíba, é possível que o vírus já esteja circulando. Lembramos que ainda há 790 mil paraibanos com mais de 18 anos em atraso para a primeira dose de reforço e mais de 331 adolescentes de 12 a 17 anos na mesma situação”, declarou a secretária.

Reforço da Janssen

Também seguindo orientação do Ministério da Saúde, quem tem 18 anos ou mais e recebeu a vacina da Janssen (dose única) passa a ter recomendação do segundo reforço quatro meses após o primeiro, conforme Nota Técnica 177/2022 da pasta. Além disso, pessoas a partir de 40 anos que receberam a vacina da Janssen poderão se vacinar com terceira dose de reforço, obedecendo ao mesmo intervalo de tempo em relação à dose anterior.

Não devem ser incluídas neste grupo gestantes e puérperas, que precisam acompanhar as orientações específicas para sua condição. A secretária de Saúde, Renata Nóbrega, destacou a importância da nova determinação do Ministério da Saúde.

“Nós comemoramos essa ampliação de mais um grupo para a segunda dose de reforço e também a inclusão dos indivíduos a partir dos 18 anos que foram vacinados com a Janssen para a terceira dose. Além disso, para equiparar a quantidade de reforços, quem iniciou a vacinação contra Covid-19 com Janssen e tem a partir de 40 anos, também terá o segundo reforço, obedecendo sempre o intervalo de quatro meses entre cada dose”, finalizou.

*Matéria publicada originalmente na edição impressa de 21 de junho de 2022.

BR 101 - KM 03 - Distrito Industrial - João Pessoa-PB - CEP: 58.082-010
CNPJ 01.518.579/0001-41